Carta aberta do Conselho de Representantes-ADunicamp à comunidade da Unicamp

image_pdfimage_print

O Conselho de Representantes da ADunicamp (CR-ADUnicamp) deliberou em reunião pelo encaminhamento de uma carta aberta à comunidade da Unicamp sobre o retorno das atividades presenciais previsto a partir do dia 13/09/2021.

Estamos cientes da necessidade de retorno de nossos convívios presenciais e de sua importância para as questões de saúde mental de toda a comunidade da universidade. Reiteramos que o retorno presencial será essencial para a Universidade.

No entanto, gostaríamos de alertar a todos e todas para alguns pontos que nos permitirão um retorno seguro.

Trata-se de medidas individuais, mas de alcance coletivo, que devem expressar a responsabilidade de cada um/uma consigo mesmo/mesma e com todos do seu entorno.

  1. Uso adequado e distribuição gratuita de máscaras de boa qualidade (de preferência PFF2 ou KN95, além das máscaras cirúrgicas), dentro e fora dos espaços da Universidade e mesmo em ambientes abertos. É necessário que a Universidade mantenha um plano de permanente conscientização da importância do uso adequado deste item para toda a comunidade.
  2. Ambientes com baixa ventilação devem ser sinalizados e evitados ao máximo, sempre que possível.
  3. Realização de adaptações que garantam constante a renovação do ar, principalmente, às salas de aula. Muitas Unidades têm espaços que não são efetivamente ventilados e que não devem receber servidores/servidoras, docentes e /ou discentes para o trabalho presencial, mesmo que em esquema de rodízio. Salientamos que estes ambientes têm alto potencial de dispersão dos coronavírus e consequentemente de contágio de pessoas, que não obrigatoriamente exibirão sinais ou sintomas da Covid 19, mas poderão transmitir o vírus para colegas ou levá-lo para seus familiares.
  4. Dada a grande complexidade e custos envolvidos, é fundamental uma coordenação central por parte da Universidade para garantir que todas as unidades consigam realizar tais mudanças antes do retorno às aulas presenciais.
  5. Disponibilização de detergentes/sabonetes e álcool-gel deve ser de responsabilidade também da administração e devem ser de fácil acesso.

Sobre a testagem, é imprescindível alertar a todos que o resultado, mesmo negativo, dos testes para aqueles que retornarão ao trabalho presencial representa apenas a situação no momento da realização do teste, sendo necessária a constante vigilância para reduzir os riscos de contaminação.

Além da testagem inicial para o retorno, propomos a manutenção de um programa de testagem para monitoramento de possíveis casos de Covid 19 e manejo de eventuais surtos que possam ocorrer na comunidade.

A testagem e as orientações sobre o acompanhamento dos contactantes, nos casos de resultados positivos, deverão compor uma política permanente de proteção e responsabilidade institucional e coletiva da universidade.

Consideramos cuidadoso, criterioso e técnico todo o trabalho que a administração da Universidade tem tido com relação ao retorno das atividades presenciais. No entanto, as especifcidades e ou caracteristicas de cada unidade devem ser consideradas e atendidas, permitindo-lhes inclusive a opção do não retorno imediato. A criação dos Comitês de Crise nas Unidades deve pressupor ampla divulgação de seus membros e seus contatos, constantes chamadas para a participação coletiva e atenção dia-a dia para os acontecimentos em cada local. Cada Unidade deve ser responsável pelos seus espaços e vigilância para o retorno seguro que só será possível com a participação responsável de cada um/uma.

A ADunicamp mantém em seu site um canal aberto para observações, sugestões, críticas e denúncias de todas/todos os membros de nossa comunidade e atuará para que todas as formas de comunicação sejam atendidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima