O candidato à presidência da República Guilherme Boulos (PSOL) participou, nesta quarta-feira, 12, no auditório da ADunicamp, do Ciclo de Debates ELEIÇÕES 2018, promovido pelo Movimento pela Ciência e Tecnologia Pública (MCTP).

Assista ao evento na íntegra aqui

Além de tratar de temas diretamente ligados à ciência, tecnologia e ensino público – foco do Ciclo de Debates promovido pelo MCTP – Boulos falou sobre a situação política do país às vésperas das eleições e das propostas de sua candidatura para a economia, a organização do estado nacional e dos investimentos públicos, além de questões cruciais da organização e participação política da sociedade. Para Boulos, o Brasil vive hoje a “maior crise da democracia brasileira desde o fim da ditadura militar”.

Em nome do MCTP, o presidente da ADunicamp Wagner Romão (IFCH), que também fez a intermediação do debate, cobrou Boulos sobre a superficialidade com que o programa do candidato toca em questões ligadas a ciência e tecnologia pública, como é o caso do Marco Legal da Ciência, Tecnologia e Inovação (Lei n° 13.243, de 11 de janeiro de 2016). Questionamentos sobre o Marco Legal estão na origem do surgimento do MCTP, que hoje reúne 14 entidades ligadas à ciência e à pesquisa.

Boulos afirmou que “concorda integralmente” com as críticas formuladas pelo MCTP ao Marco Legal e ao modelo de pesquisa voltado para a iniciativa privada, que o movimento questiona em seu manifesto (leia mais em www.mctpublica.wordpress.com). De acordo com ele, o atual modelo brasileiro de desenvolvimento pautado “na exportação de commodities” vai transformar o Brasil em “fazenda da China”, produzindo soja e minerais para a exportação. Boulos argumentou que não há como construir um modelo real de desenvolvimento sem investimentos maciços na tecnologia e na produção científica pública.

CICLO DE DEBATES

Todo(a)s os candidato(a)s à presidência e ao governo do Estado de São Paulo foram convidado(a)s a participar do Ciclo de Debates ELEIÇÕES 2018, que acontece no auditório da ADunicamp. Os encontros serão realizados de forma individual com cada candidato(a) e irão ocorrer à medida que ele(a)s manifestarem a disponibilidade de agenda. O tema dos encontros será a posição dos candidatos sobre Ciência, Tecnologia e Educação.

Além dos encontros com candidatos, o Ciclo de Debates também promove encontros com especialistas de diferentes áreas para discutir as eleições em curso. O primeiro encontro, ‘As eleições e a construção de um projeto popular de País’ ocorrido em 30 de agosto, reuniu Frei Betto, Bia Barbosa e o professor Ricardo Antunes.

Os próximos encontros com candidatos ocorrerão nos dias 19, com Cláudio Fernando Aguiar (PMN), e 20, com Marcelo Cândido PDT), ambos às 12 horas.

A agenda dos próximos eventos e os vídeos dos eventos já realizados podem ser consultada pelos sites www.ctpublica.wordpress.com e www.adunicamp.org.br.