Projeto Pratas da Casa – Auditório da ADunicamp – 21 de junho de 2017, às 19 horas

*Excepcionalmente neste dia não haverá sessões do cineclube*

Zebu Trifásico – 25 anos de Música Antiga na Unicamp

O Zebu Trifásico é um grupo instrumental que toca música dos séculos 15 a 17 (do fim da Idade Média e Renascença até o início do Barroco) em flautas doces e outros instrumentos de sopro da época, como cromornes e cornamusas. O grupo foi criado em 1992 por professores e alunos de graduação dos Institutos de Biologia e Física. De sua formação original permanecem Thomas Lewinsohn (professor titular) e André Victor Lucci Freitas (então aluno de graduação, hoje professor titular), ambos biólogos. Ao longo de 25 anos, o Zebu contou com três até oito instrumentistas variados (sopros, cordas e percussão) e cantores, tendo se apresentado regularmente em vários locais de Campinas, como na Companhia Sarau, no Café Filosófico da CPFL e no Observatório do Capricórnio, além de espetáculos em São Paulo, Santos e Caldas, Minas Gerais.

O programa incluirá sequências de danças das grandes coletâneas da Renascença: Danserye (Tylman Susato, Holanda, 1551) e Terpsichore (Michael Praetorius, Alemanha/França, 1612) além de outras peças do mesmo período.

Atualmente o Zebu Trifásico é formado por:

Instrumentos de sopro:

André Victor Lucci Freitas, Thomas Lewinsohn e Rafael Oliveira
(professores do Instituto de Biologia)

Paulo Dalgalarrondo (professor da Faculdade de Ciências Médicas)

Luciana Castillo (professora do Centro Suzuki Campinas)

Percussão:

Peter Groenendijk (professor do Instituto de Biologia)